Oficina de Atualização em Escalada em Rocha


Carga horária: 9 horas.

Instrutor: Marcelo Delvaux

Guia de montanha profissional, com certificação pela Escuela Provincial de Guías de Alta Montaña y Trekking – EPGAMT / Argentina. Pratica montanhismo e escalada desde a década de 90, com quatorze anos de experiência em alta montanha e dezenas de expedições realizadas em países como Argentina, Chile, Bolívia, Peru, Equador, Venezuela, Guatemala e Tibete. Tem em seu currículo inúmeras montanhas andinas acima de 6000 m, como o Aconcagua (6962 m), o Ojos del Salado (6893 m), o Mercedario (6770 m), o Sajama (6542 m), o Chimborazo (6310 m), o Illimani (6439 m) e o Tocllaraju (6032 m), dentre outras. Líder da primeira expedição de Minas Gerais ao Himalaia em 2009, que teve como objetivo a escalada ao Cho Oyu (8201 m), a sexta montanha mais alta do mundo.

Não estão incluídos no valor do curso os equipamentos de uso pessoal.

   

Opções de pagamento:

  • Cartões de crédito: em até 3 x sem juros.
  • Cartões de débito.
  • Boleto bancário.
  • Depósito bancário.

   

Conteúdo:

 

1.       Principais materiais para fitas e cordeletes e uso adequado de cada material.

 

2.       Revisão de nós, riscos na utilização e usos mais adequados:

  • Erros mais comuns relacionados aos nós.
  • Encordamento: oito duplo.
  • Junção: nó de fita, pescador duplo, pescador triplo, nó plano.
  • Ancoragem e fixação de cordas: aselha simples, oito pelo seio, boca de lobo, fiel, lais de guia simples arrematado, lais de guia duplo, lais de guia com anel duplo, oito de duplo seio, nove, sete ou oito direcional, fiel pela ponta ou aplicado, nó corrediço.
  • Encordamento e fixação de cordas: borboleta alpina.
  • Segurança e rapel: dinâmico ou UIAA, nó de frade.
  • Autoblocantes: prusik, machard, bachman.
  • Preparação da corda para transporte e armazenagem.

 

3.       Melhores práticas de segurança relacionadas à utilização da cadeirinha:

  • Erros mais comuns relacionados ao uso da cadeirinha.
  • Posição dos equipamentos.
  • Transporte de fitas e cordeletes.
  • Forma correta de colocação da fita solteira e daisy chain.
  • Forma correta de encordamento.

 

4.       Formas adequadas de preparação da corda para transporte e armazenagem.

 

5.       Melhores práticas de segurança relacionadas ao uso de mosquetões e costuras:

  • Erros mais comuns relacionados ao uso de mosquetões e costuras.
  • Forma correta de posicionamento dos mosquetões.
  • Forma correta de utilização dos mosquetões na cadeirinha.
  • Forma correta de montagem de costuras.

 

6.       Recomendações para montagem de top rope:

  • Erros mais comuns relacionados à escalada em top rope.
  • Montagem convencional.
  • Equalização de top rope para grupos.
  • Encordamento de escaladores inexperientes.

 

7.       Recomendações para escalada guiada:

  • Erros mais comuns relacionados à escalada guiada.
  • Revisão dos métodos para costurar.
  • Utilização correta do Grigri para segurança do guia.

 

8.       Uso correto da fita solteira e da daisy chain:

  • Conceito de fator de queda e riscos da daisy chain.
  • Erros mais comuns relacionados ao uso da daisy chain.
  • Revisão dos diversos tipos de fitas solteiras e daisy chain.

 

9.       Recomendações para desequipagem de vias:

  • Erros mais comuns relacionados à desequipagem de vias.
  • Recomendações e melhores práticas.

 

10.   Técnicas modernas de rapel:

  • Erros mais comuns relacionados ao rapel.
  • Sistemas de backup mais adequados.
  • Forma correta de rapel com fita solteira e daisy chain.
  • Recomendações e melhores práticas.

 

11.   Tendências modernas em equalizações:

  • Erros mais comuns relacionados à montagem de equalizações.
  • Características ideais de uma parada equalizada: princípios SRENE.
  • Revisão dos sistemas de equalizações tradicionais: triângulos de forças clássico e bloqueado e sistemas em linha.
  • Tendências modernas: equalette e quad.
  • Recomendações e melhores práticas.

 

12.   Tendências modernas e melhores práticas para escalada em paredes:

  • Erros mais comuns relacionados à montagem de paradas.
  • Tendências modernas para montagem de paradas.
  • Formas corretas de autoasseguramento em uma parada.
  • Formas corretas para realização da segurança para o 2º escalador desde a parada.
  • Utilização de freios autoblocantes em uma paradas: Placa Gigi e ATC Guide.
  • Formas corretas para desmontagem de paradas e descida em rapel em parede.
  • Formas corretas para realização de cordadas com 3 participantes e encordamento no meio da corda.
  • Recomendações e melhores práticas.

 

13.   Soluções de emergência e métodos de fortuna de conhecimento obrigatório:

  • Segurança com o nó dinâmico ou UIAA:
    • Para o primeiro da cordada (guia).
    • Para o segundo da cordada (segurança de cima).
  • Rapel com o nó dinâmico ou UIAA.
  • Descida do companheiro com o nó dinâmico ou UIAA.
  • Bloqueio do nó dinâmico ou UIAA através do nó mula.
  • Bloqueio do ATC.
  • Sistemas autoblocantes: coração.

     

Informações e Reservas

 

Imagens de solução

PagSeguro

Share


Os comentários estão fechados.

AAGM AAGPM EPGAMT
Imagens de solução
PagSeguro